VANTAGENS

Este plano é adequado a qualquer perfil por ser flexível, sem limite de idade nem custo de inscrição. O participante e seus familiares podem fazer aplicações na poupança com contribuições a partir de R$ 40,00.

De acordo com o critério de cada um, é possível alterar as contribuições mensais, fazer contribuições extras, suspendê-las por período determinado ou resgatá-las após seis meses de sua inscrição.

É possível também transferir recursos de outros planos de previdência para o FPA Previdência e usufruir de todas as facilidades existentes no plano. Consulte condições.

Os recursos são investidos conforme a política de investimentos definida pela Fecomercio FPA, com fins específicos de preservar a liquidez, a solvência e o equilíbrio do plano, além de ser realizado por instituição especializada a custo mínimo.

Outro ponto importante é que os investimentos realizados não sofrem tributação na fase de pagamento e não devem ter finalidade especulativa, proporcionando boa rentabilidade para os participantes.

Apesar dos recursos serem investidos em conjunto, as contas dos participantes são controladas individualmente por tipo de contribuição.

VANTAGENS PARA O PARTICIPANTE

  • Sem taxas administrativas para aderir ou cancelar o plano;
  • Custo de administração e de funcionamento baixos;
  • Sem limite de idade para inscrever-se no plano;
  • O valor das contribuições independe da idade do participante;
  • Toda flexibilidade para contribuir e para receber o benefício;
  • Boa rentabilidade;
  • Poder deduzir as contribuições no IR;
  • Poder receber contribuição do empregador e de terceiros;
  • Proteção para os casos de invalidez e morte.

CONTRIBUIÇÃO DA EMPRESA PARA SEU FUNCIONÁRIO NO FPA PREVIDÊNCIA ASSOCIATIVA
Qualquer empresa, independentemente de seu porte, poderá realizar as contribuições, obtendo assim grandes vantagens, como:

  • Desenvolvimento da política de RH;
  • Aumento da produtividade;
  • Diminuição da rotatividade, mantendo talentos.

OUTRAS VANTAGENS PARA A EMPRESA

  • Contribuições conforme a capacidade financeira;
  • Dedução das contribuições do IR (Lucro Real);
  • Ausência de obrigatoriedade e habitualidade por parte do empregador;
  • Inexistência de custos adicionais (encargos sociais e outras obrigações).